MAROCAS

Julho 13 2016

 

 


O avião militar subiu até à altitude conveniente para o efeito. O capitão paraquedista chamou então o recruta alentejano que ia saltar pela primeira vez de paraquedas. E o capitão explicou-lhe:

- É tudo muito simples. Vejo que já estás equipado com o paraquedas nas costas. Então, quando a porta lateral do avião for aberta, tu aproximas-te dela, abres as pernas e os braços, contas até dez, pausadamente, e atiras-te para o espaço. Quando fores no ar, contas até cinco e puxas a argola direita que está no equipamento. Se, por acaso, essa argola não acionar a abertura do paraquedas, tens uma argola de emergência, no lado esquerdo. Puxa-a! Depois, quando chegares ao solo, no círculo assinalado, estará uma bicicleta que montarás para chegares ao quartel.

O alentejano aguardou, então, pelo momento próprio e, à ordem de saltar, voou para o espaço. Contou até dez e depois puxou a argola da direita. Nada! O paraquedas não abriu! Rapidamente, puxou a argola do lado esquerdo… e nada! O paraquedas continuou fechado!

Já em queda livre, diz o pobre do alentejano:

- Querem ver que, agora, também não está lá a bicicleta?!

 

publicado por Fernando Ramos às 18:54

Visitas
(desde 14.7.2012)
Julho 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

11
15

17
18
20
22

24
25
26
29
30

31


favoritos

CHIA BENEFICIOS

pesquisar
 
blogs SAPO